Confira mais sobre o XV!

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Personagem do Mês - 04/2012 - Piau

No jogo do último sábado, contra o Comercial de Ribeirão Preto, o XV de Piracicaba recebeu uma ilustre visita para acompanhar a partida. Trata-se do ex-jogador Piau, que vestiu a camisa do XV entre os anos de 1966 e 1970, sendo Campeão Paulista da divisão de acesso no ano de 1967.

Aproveitando sua visita em Piracicaba, o Blog Histórias do XV escolheu Piau como personagem do mês de abril de 2012.

HISTÓRIA - Eronides de Souza, o Piau, nasceu 06 de setembro de 1948, na cidade de Getulina no interior de São Paulo.

Começou sua carreira na equipe do Linense, no ano de 1966. Após se destacar em uma equipe que contava com Leivinha, Piau foi trazido para o XV de Piracicaba para disputa da Divisão de Acesso do Campeonato Paulista de 1966, que acabou com o vice-campeonato do XV de Piracicaba.

Piau chegou ao XV de Piracicaba após uma partida entre o XV e a equipe do Linense, realizada em 9 de março de 1996, em que o XV venceu a equipe de Lins pelo placar de 2 x 0, com gols de Lopes e Nicanor. Dias após a partida, no dia 12 de março de 1966, as diretorias de XV e Linense acertavam a transferência do jovem Piau, de apenas 17 anos, pelo valor de 20 milhões de cruzeiros.

FOTO: Piau, em sua chegada ao XV, ao lado de Lopes (Acerco Rocha Netto).

Piau fez sua estreia pelo XV em 20 de março de 1966, contra a A.A. Francana, que derrotou o XV no Barão de Serra Negra pelo placar de 2 x 1.

FOTO: Ataque do XV, formado por Zezinho, Luiz, Mazinho, Eli Cotucha e Piau. (Acervo Rocha Netto).

Após o vice-campeonato da Divisão de Acesso de 1966, quando o XV foi derrotado pela Ferroviária de Araraquara, Piau comandou a equipe do XV de Piracicaba no título da Divisão de Acesso de 1967. A equipe do XV contava com grandes jogadores, como Nicanor, Amauri e Hidalgo.

Na partida decisiva do título de 1967, realizada em 17 de janeiro de 1968, no Estadio do Pacaembu, Piau foi o responsável por marcar um dos gols que deram o título ao alvinegro, na vitória por 4 x 3 contra o Bragantino.


FOTO: Amistoso Internacional entre XV de Piracicaba x Romênia. O Jogo das faixas de comemoração do título de 1967. (Acervo Rocha Netto_.
DE PÉ: Mello Ayres, Protti, Neves, Claudinei, Zé Carlos, Hidalgo, Piloto e Donah;
AGACHADOS: Índio, Amauri, Luiz, Varner, Joaquinzinho e Piau.

Nos anos seguintes, Piau continuou como um dos principais destaques do XV de Piracicaba, sendo o quinto jogador da equipe com mais gols no ano de 1968, marcando cinco gols em 23 jogos.

Piau permaneceu no XV de Piracicaba até 23 de julho de 1970. Antes da saída de Piau, o XV de Piracicaba passou por uma grande crise administrativa. Como reflexo da crise fora das quatro linhas, alguns jogadores que estavam se sentindo descontentes tiveram seus preços estipulados, entre eles estava Piau, com preço fixado em 50 mil cruzeiros. O atleta foi considerado o mais valorizado do elenco, juntamente com Nicanor, que também deixou o XV pelo preço estipulado.

Piau deixou o XV emprestado para a equipe da Portuguesa, pelo prazo de 90 dias, a pedido do técnico da Lusa, João Avelino, mas acabou ficando na Lusa até o ano de 1973.

Após passar pela Portuguesa, Piau fez história no São Paulo, entre 1973 e 1977. Pelo tricolor, Piau atuou 154 jogos, conseguindo o título paulista de 1975. Piau ainda atuou parte do ano de 1975 emprestado o Corinthians, fazendo apenas 22 jogos pela equipe do Parque São Jorge.

FOTO: Piau em sua visita ao Barão no último sábado. (Site Oficial XV).

Atualmente, Piau é aposentado e mora na Capital Paulista e segue acompanhando de perto o futebol. Em entrevista ao Site Oficial do XV, Piau afirmou: "Fico na torcida para que o XV permaneça na elite do futebol. Uma cidade como essa, com torcedores apaixonados merece o time na primeira divisão”.

INFORMAÇÕES E FOTOS: "A HISTÓRIA DO XV - PARTE II" - Delphim F. Rocha Netto, Site Oficial XV de Piracicaba e Site Terceiro Tempo.

BLOG HISTÓRIAS DO XV

5 comentários:

  1. Grande Treinador ! Saudades pelezão ele quis mudar a vida de muitos e muitos como eu deixei de lado grande PIAU

    ResponderExcluir
  2. Ola meu falecido pai esta na foto do time atras de Piau e lembro como ele se orgulhava em dizer que jogou no XV existe um acervo em piracicaba no estadio barao que fale da historia do time que possa ser visitado

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde André,

    Existe um acervo histórico do XV no Museu Martha Watts, que fica localizado no centro de Piracicaba.
    Quem era seu pai?
    Fico a disposição para conversamos. contato@historiasdoxv.com

    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Grande piau. Ele é leivinha. Mudarão a estória do pelezao saudades grandes treinadores.tempo bom q não volta mais .

    ResponderExcluir
  5. Grande piau. Ele é leivinha. Mudarão a estória do pelezao saudades grandes treinadores.tempo bom q não volta mais .

    ResponderExcluir